"AMÁLGAMA🧜 A Grande Aberração Criada Por Ellen G. White!" 💃🌍❗️

"Descrevendo um grande pecado, a Sra White relatou:
“Mas se há um pecado acima de todo outro que atraiu a destruição da raça pelo dilúvio, foi o aviltante crime de amálgama de homem e besta que deturpou a imagem de Deus e causou confusão por toda parte.” (Spiritual Gifts, Vol. 3, pg.64, 1864). “Toda espécie de animal que Deus criou foi preservada na arca. As espécies confusas que Deus não criara, resultantes da amálgama, foram destruídas pelo dilúvio. Desde o dilúvio, tem havido amálgama de homem e besta como pode ser visto nas quase infindáveis variedades de espécies animais e em certas raças de homens.”( Spiritual Gifts, Vol. 3, pg. 75, 1864).

Segundo o artigo de Gordon Sigley e na opinião do escritor apologista Dirk Anderson, a afirmação da Sra White sobre o amálgama (mistura, fusão,cruzamento) de homem e besta(animal) foi uma das mais controvertidas e embaraçosas para seus seguidores. Na opinião de Dirk, a afirmação da Sra. White parecia indicar que ela cria que, a união sexual entre seres humanos e bestas(animais) antes e depois do dilúvio produziu espécies diferentes, amalgamadas(e que Deus não criara). A citação dela (Sra White),diz que os resultados do amálgama podiam ser vistos “em certas raças de homens.” Já na época, esses parágrafos causaram sérias perguntas, como: Quais raças são resultado da amálgama? Em 1868, o dirigente adventista Urias Smith publicou sua defesa de Ellen White. Nesse livro, Smith conjeturava que a união entre seres humanos e bestas havia criado raças como os bosquímanos (indígenas) da África, algumas tribos de hotentotes, entre outras. A Sra White não fizera qualquer declaração com respeito à defesa de Urian Smith. Tiago White o marido de Ellen White, revisou o livro de Smith antes da publicação e o recomendou aos leitores da revista oficial da igreja, a Review and Herald. E no mesmo ano, o Sr e a Sra White levaram 2.000 exemplares do livro de Smith consigo para oferecê-los durante as reuniões campais. Os parágrafos sobre o amálgama voltaram a ser publicados em 1870 no livro Spirit of Prophecy, Vol. 1, e continuaram causando controvérsia. Durante anos, vários homens haviam oferecido diferentes interpretações das declarações de Ellen White. “críticos e apologistas de Ellen White postaram-se em batalha em torno desse assunto de elevada carga emocional.” Em setembro de 1947, houve uma reunião onde quinze dos mais importantes líderes eclesiásticos adventistas estavam presentes para ouvir dois biólogos adventistas, o Dr. Frank L. Marsh e o Dr. Harold W. Clark, debaterem o sentido de tais declarações publicadas no século XIX pela profetisa de sua igreja, Ellen G. White. As posições dos biólogos eram diferentes. O Dr Clark afirmava que a Sra White realmente referia-se ao cruzamento de seres humanos com animais. Mas o Dr Marsh defendia a interpretação de cruzamentos separados: humano com humano, animal com animal. Houve uma batalha de argumentos, sem haver consenso completo. “a controvérsia nunca foi totalmente superada.
O Centro de pesquisas Ellen White (Centro White), aceitando a versão defendida pelo Dr Marsh, declara que a Sra. White nunca sugeriu a existência de seres subumanos ou qualquer tipo de relação híbrida animal / homem. Ela falou sobre “espécies animais” e “raças humanas”, mas não sobre algum tipo de amálgama de animais com seres humanos. “Nenhum dicionário jamais usou a palavra “amalgamação” para descrever a coabitação de homem com animal. O emprego da palavra no século dezenove incluía a miscigenação de diversas raças”. E acrescentam: “Reconhecemos, porém que estudantes sérios dos escritos de Ellen White divergem sobre o que ela queria dizer por amalgamação. A responsabilidade da prova repousa sobre aqueles que afirmam que a Sra. White deu ao termo um novo e estranho significado.
Apoiando a tese de Frank L. Marsh, o adventista Dr Francis D. Nichol escreveu o livro: Ellen White and her Critics, onde Nichol diz que a amalgamação (humano com humano) referia-se ao cruzamento da raça (ímpia dos homens) de Caim, com a raça(crente-de Deus)de Seth. E os animais ao se cruzarem em diferentes raças, também estavam cometendo crime, ou pecado contra a lei natural de Deus. Nichol declarou: “Acreditamos que o significado da frase-chave em questão é encontrado por sua compreensão de leitura: “amálgama de homem e [de] besta.” Assim, a passagem seria falar do amálgama de diferentes raças da humanidade e da fusão de diferentes raças de animais. A construção gramatical e de uso comum nos permitem compreender “de” como sendo implícita”.
Após 1871, os parágrafos do amálgama foram omitidos das edições posteriores. E o filho de Ellen White, W.C. White, explicou: “Quanto aos dois parágrafos que se encontram em Spiritual Gifts e também em Spirit of Prophecy, relativamente ao amálgama e à razão por que foram omitidos dos livros posteriores, e à questão de quem assumiu a responsabilidade de omiti-los, posso falar com perfeita clareza e convicção. Eles foram omitidos por Ellen G. White”. “A Sra. White não só tinha bom juízo baseado numa compreensão clara e abarcante das condições e as conseqüências naturais de publicar o que escrevia, como muitas vezes recebia instruções diretas do anjo do Senhor em relação com o que devia ser omitido ou acrescentado nas novas edições.” (mensagens escolhidas vol 3 pg 452).
Para o Sr Dirk Anderson, essa explicação de relação entre raças (humanos com humanos e, animais com animais), criou outras perguntas como: “Como poderiam as relações sexuais entre parceiros humanos casados serem descritos como “aviltante crime”? Será que Deus não honra o casamento, independentemente de serem ou não, ambos os parceiros da mesma raça ou crença?” “Se casar com uma mulher ímpia foi um “aviltante crime” digno da destruição da raça humana, porque a Bíblia diz que o casamento de Sansão com uma filistina foi “do Senhor?” “Como poderiam os resultados de cruzamento (ou casamento) entre pessoas de diferentes fé, agora “ser visto” em “certas raças de homens?” Quais são as raças com visíveis evidências de fusão entre crentes e não crentes”? e: “Como poderia união entre as diferentes espécies de animais ser um aviltante crime? Os animais não têm essa capacidade moral para cometer tal crime!”
Em seu artigo, Gordon Shigley declarou: “Por anos a comunidade adventista presumiu que a Sra. White cria que parte da queda do homem envolveu união sexual de homem com animal e defendeu seus pontos de vista como científicos. Depois de 1947, a posição prevalecente mudou e prosseguiu assim por 35 anos. Incapaz de conciliar a mais óbvia leitura das declarações de Ellen White com a ciência, e com um compromisso para com a igualdade genética entre as raças, a Igreja aceitou a engenhosa interpretação de Marsh sobre o que Ellen White quisera dizer. Pode ser que a presente geração de adventistas concorde com as gerações anteriores de adventistas em que – pelo menos numa ocasião – Ellen White realmente creu que amálgama de homem com besta teve lugar, mas não aceitará essa posição como cientificamente abalizada hoje.


Conclusão


A maior prova de que Ellen White escreveu realmente sobre o amálgama é o fato de Urias Smith ter escrito um livro só para defender a tese de Ellen White. O maior erro dos adventistas foi ter omitido o texto das edições posteriores, sendo a prova que Ellen estava errada! E finalmente a conjectura de Ellen, afirmando que Deus muda de idéia, quando a manda omitir textos que não foram bem aceitos pela membrésia. 
 




“A Sra. White não só tinha bom juízo baseado numa compreensão clara e abarcante das condições e as conseqüências naturais de publicar o que escrevia, como muitas vezes recebia instruções diretas do anjo do Senhor em relação com o que devia ser omitido ou acrescentado nas novas edições.” (mensagens escolhidas vol 3 pg 452)

Teve ET's 🛸 na história? Eta!


O que significa Amalgamação?
Enquanto os defensores atuais da Sra. White no White Estate não conseguem dar uma explicação definitiva sobre o que a Sra. White estava falando, eles asseguram-nos em seu site que o que quer que fosse que a Sra. White estivesse falando, não era a união entre homem e animal, ou seja ela pode estar falando até de união entre ET`s 🛸 e humanos, menos o óbvio que qualquer criança entenderia de seus escritos.
Diz um estudioso adventista:
“Nenhum dicionário jamais usou ‘amalgamação’ para descrever a coabitação de homem com animais .... A Sra. White nunca sugeriu de seres subumanos ou qualquer tipo de relação animal-humano híbrido .... O ônus da prova recai sobre aqueles que afirmar que a Sra. White deu um significado novo e estranho para o termo”.
Para refutar essa tentativa insana adventista de negar o óbvio que já foi visto, vamos mostrar o que os dicionários de língua inglesa, anteriores a declaração de Ellen White, dizem:
Dicionário Webster 1828:
“Amalgamation - The mixing or blending of different things”.[15]
Tradução:
“Amalgamação – A mistura ou combinação de coisas diferentes” [15]
O mesmo dicionário Webster  em 1913:
“A*mal`ga*ma"tion (#), n. [Cf. F. amalgamation.]
The mixing or blending of different elements, races, societies, etc.; also, the result of such combination or blending; a homogeneous union.”
Tradução:
“A mistura ou combinação de diferentes elementos, raças, sociedades, etc.; também o resultado de combinação ou harmonização; uma união homogênea.”
Embora os dicionários não descrevem explicitamente amálgama como a união de homem e animais, até por que isso é uma coisa que não existe, eles certamente permitem essa definição que foi a que a sra. White usou.
A palavra "amalgamação" é amplamente utilizado no idioma Inglês para descrever uma mistura de quaisquer dois ou mais elementos diferentes. Por exemplo, a palavra é usada hoje para descrever a seguinte combinação do humano com o não-humano: [13]
• A criatura mítica chamada de Lobisomem - um ser que é humano e parte lobo - tem sido descrito como uma " amalgamação".

• A Esfinge do Egito é descrita como uma amalgamação de um leão e um ser humano.

• buffs ficção científica usam para descrever a descendência da união entre seres humanos e alienígenas!
 
Assim, podemos ver, por estes exemplos, que se trata de uma utilização perfeitamente válida da palavra para descrever a combinação de um animal com um humano.  
SITE ADVENTISTA EM DEFESA DE ELLEN WHITE:                                     Defensa Adventista https://defensaadventista.org/acusaciones-contra-elena.../
RESPOSTA: As únicas passagens nos escritos da Sra. White que são de interesse nesse assunto são encontradas nos Dons Espirituais, volume 3 e republicadas no Spirit of Prophecy, volume 1, em 1870. A primeira, que aparece no capítulo 6, é este:NOMEAÇÃO: Mas se havia um pecado acima de outros que clamava pela destruição da raça pelo dilúvio, era o crime básico do amálgama de homem e animal que desfigurava a imagem de Deus e causava confusão em toda parte. Deus decidiu destruir, por um dilúvio, essa raça poderosa e duradoura que havia corrompido seus caminhos diante dele. –Dons espirituais, vol. 3, p. 64O capítulo 7, intitulado "O dilúvio", contém esta declaração:NOMEAÇÃO: Todas as espécies de animais que Deus criou foram preservadas na arca. As espécies confusas que Deus não criou, que foram o resultado do amálgama, foram destruídas pelo dilúvio. Após o dilúvio, houve uma amálgama de homens e animais, como pode ser visto na variedade quase infinita de espécies animais e em certas raças de homens. –Página. 75. Estas são as únicas declarações da Sra. White sobre o assunto de amálgama de homem e animal.                                             VEJAM O DESESPERO DOS FANÁTICOS:  
Mas os cães estarão do lado de fora, e os feiticeiros, os fornicadores, os assassinos, os idólatras e todos que amam e mentem. (Apocalipse 22:15)
A Bíblia dá exemplos dessas mudanças secundárias no pecado, que apareceram como conseqüência imediata, como a experiência de Nabucodonosor, que pode ser um caso claro de que o pecado se degrada a ponto de desenvolver uma aparência de animal.
Ao mesmo tempo, a palavra sobre Nabucodonosor foi cumprida, e ele foi expulso entre os homens; e ele comeu grama como bois, e seu corpo se molhou com o orvalho do céu, até que seus cabelos cresceram como penas de águia e suas unhas como as de pássaros. (Daniel 4:33)
                                                                                                      Também na experiência dos filhos de Noé e seus filhos (camas pequenas, meninas e semitas), podemos ver claramente como o pecado pode influenciar certas raças.                                                                                                                                                      Mas blasfemam de quantas coisas não sabem; e naqueles que por natureza sabem, são corrompidos como animais irracionais. Ai deles! porque seguiram o caminho de Caim, e se arriscaram a lucrar com o erro de Balaão, e pereceram na contradição de Corá. (Judas 1: 7-11) Portanto, não deveria nos surpreender que, em certas ocasiões na Bíblia, Deus chame os humanos de cães, relacionando-os totalmente com animais.                                                                                                                                                  Assim é a ressurreição dos mortos. É semeado na corrupção, ressurgirá na incorrupção.É semeado em desonra, e se elevará em glória; é semeado na fraqueza, subirá novamente no poder. O corpo animal é semeado, o corpo espiritual será ressuscitado. Há corpo animal e há corpo espiritual. Assim também está escrito: O primeiro homem Adão foi feito alma vivente; o último Adão, espírito vivificante. Mas o espiritual não é o primeiro, mas o animal; Depois o espiritual. O primeiro homem é da terra, da terra; O segundo homem, que é o Senhor, é do céu. Como o terreno, assim também o terreno; e que os celestiais, como também os celestiais. E assim como trouxemos a imagem do terreno, também traremos a imagem do celeste. Mas digo isto, irmãos: que carne e sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herda a incorrupção. (1 Coríntios 15: 42-50)                                                                                                              A questão que se coloca agora é: será que a imagem do homem terreno está desfigurada da original? É claro que sim, há uma degeneração pecaminosa e até física. O pecado da depravação sexual que em Coríntios é ilustrado como um pecado dentro do corpo, e maior que outros, se junta ao que a Bíblia já implica sobre essa depravação.                                                                                                                                                                            Vamos analisar bem a diferença e observe que você deve analisar antes de julgar.                                                                                                                                                                            A definição de raça é equivalente a: Cada um dos grupos subdivididos em algumas espécies biológicas, cujos caracteres diferenciais são perpetuados por herança.A herança do pecado não importa a etnia ou raça à qual você pertence abrange apenas dois tipos de raças espirituais, a dos filhos do diabo e dos filhos de Deus, variando fisicamente, mas não espiritualmente.                                                                                                                                                                                   "Cobras, geração de víboras! Como você escapará da condenação do inferno?" (Mateus 23:33)                                                                                                                                           Assim, a Bíblia lembra que existem corpos espirituais e carnais, e isso deve ser lembrado ao ler as passagens citadas de Ellen White.                                                                                                                                                                                                   Agora vamos passar para um segundo conceito através do qual as citações de Ellen White poderiam ser interpretadas.                                                                                                                           "O amálgama de homem e animal" é um "crime básico".                                                                                                                     Homem como Criatura de Deus se unindo à besta, em Apocalipse e Daniel, podemos encontrar a imagem da besta como um poder maligno que se eleva contra Deus; homens que se relacionam com a besta ou têm sua marca de rebelião serão destruídos.                                                                                                                                                                                            Mas se você tem ciúmes e contendas amargas em seu coração, não se glorie ou minta contra a verdade; porque essa sabedoria não é aquela que desce do alto, mas terrena, animal, diabólica. Porque onde há ciúme e contenção, há perturbação e todo trabalho perverso. (Tiago 3: 14-16)                                                                                                                                                             A raça humana degradada pelo pecado, animalizada e espiritualmente pelos instintos da carne foi vivificada em Cristo e sublimada espiritualmente.

SOCORRO: TUDO QUANTO DISSE E ESCREVEU FOI PURO,ELEVADO,CIENTIFICAMENTE CORRETO E PERFEITAMENTE EXATO - Subtileza do Erro,pág:35" "IMAGINE SE NÃO FOSSE PERFEITAMENTE EXATO! Alguém por nós só tem MISÉRIAECÓRDIA!

click 👇

Torpeza: 8 humanos que CASARAM com animais

"Não saiu filhote destes casamentos, mas saíram da boca 🧜‍♀️de Ellen White"

"QUANTO MAIS MENTIRAS, MAIS SATANÁS GOSTA"
🌎 O Sábado foi feito para um mundo esférico


Deus descansou no sétimo dia e separou-o para que o homem o observasse em homenagem à Sua criação dos céus e da Terra em seis dias literais. Ele abençoou e santificou o dia de repouso. Quando os homens são muito meticulosos em pesquisar e cavar para informar-se a respeito do exato período de tempo, devemos dizer: Deus fez o Seu sábado para um mundo esférico; e quando o sétimo dia chega para nós nesse mundo arredondado, controlado pelo Sol que governa o dia, em todos os países e regiões é o tempo para observar o sábado. Nos países em que não há pôr-do-sol durante meses, e em que também não há nascer do Sol durante meses, o período será calculado pelos registros mantidos. ... O Senhor aceita toda a obediência de cada criatura que Ele fez, de acordo com as circunstâncias do tempo no mundo caracterizado pelo nascer e pelo pôr-do-sol. ... O sábado foi feito para um mundo esférico, sendo, portanto, requerida obediência das pessoas em perfeita harmonia com o mundo criado pelo Senhor. — Carta 167, 1900. Mensagens escolhidas pelo capeta Vl. lll pg. 317   http://www.centrowhite.org.br/files/ebooks/egw/Mensagens%20Escolhidas%203.pdf   Capítulo 40 — A questão da linha internacional de datas . . 298 O Sábado foi feito para um mundo esférico . . . . . . . . . . . . 298 🆚 Palavras do Criador: Jó 38:14-
A terra toma forma como o barro sob o trabalho do sinete; e tudo nela se observa como as cores de uma roupa.    Comentário: Que forma o sinete imprime? O sinete imprime a forma plana com alto ou baixo relevo, e redonda: YOUTUBE:  ELLEN WHITE🌎: DESAFIO AOS TERRAPLANISTAS E A IRREFUTABILIDADE DA TERRA PLANA
                                       
 Se a Terra fosse esférica, seria a prova de que Deus não é todo sábio; pois, a partir dos lados da Terra esférica, já seria inaproveitável para habitação humana e de muitos outros seres.   
 YOUTUBE: Afonso, Geofísico da USP: "A TERRA É PLANA"  (AGORA COMO CIENTISTA ELE JÁ EXPERIMENTOU, A TERRA É PLANA COMO DEUS NOS REVELOU)                                                                                                         BOMBA!!!! Geografia Revela A TERRA é PLANA!!! https://www.youtube.com/watch?v=Jt-0CEPljO0                                                                      
Mais provas contundentes TERRA PLANA/MANSUP https://www.youtube.com/watch?v=FxuqMEcDn00                                                                                       YOUTUBE: FÍSICO DA REDE GLOBO PROVA A TERRA PLANA EM REDE NACIONAL (LEMBRANDO QUE, QUANTO MAIS DISTANCIA-SE DO PONTO INICIAL, MAIS TERIA QUE HAVER INCLINAÇÃO) YOUTUBE: 200 PROVAS QUE A TERRA NÃO É UM GLOBO | DUBLADO EM PORTUGUÊS| VÍDEO BOOK ERIC DUBAY   YOUTUBE: Terra Não é Redonda - General Heleno    YOUTUBE: EX-FUNCIONÁRIA DA NASA TORNA-SE TERRAPLANISTA   
                  
 YOUTUBE: PILOTO DE AVIÃO COM 25 ANOS DE PROFISSÃO AFIRMA! A TERRA É PLANA! VÍDEO EMOCIONANTE!! NO CLICKBAIT!!